Página Interna

No Ceará, 61% das empresas abertas em novembro foram MEI

A Junta Comercial do Estado do Ceará (Jucec) contabilizou, no mês de novembro deste ano, o total de 8.676 novas empresas registradas em todo o estado, superando o mesmo mês do ano anterior. Dessas, 7.114 foram registradas como Microempreendedores Individuais (MEI), o equivalente a 61% do total.

O quantitativo de pessoas formalizando seu negócio como MEI aumentou em relação a novembro de 2020, que foram 6.861. O vice-presidente da Jucec, Caio Rodrigues, avalia que “há um aumento do percentual de formalização de novos negócios em nosso estado. O comércio de vestuário e acessórios foi a atividade que mais teve empresas abertas neste período”.

O setor que entrou em destaque diante dos demais foi o de Serviços, com 4.875 aberturas. Em segundo e terceiro lugar, estão Comércio e Indústria, com 3.046 e 755, respectivamente. De acordo com o levantamento da Jucec, o setor de Serviços já vem sendo destaque em constituições desde 2020, quando apresentou 4.286 registros em novembro.

Sobre os encerramentos, a Jucec fez o levantamento de 3.244 empresas extintas no mês de novembro de 2021, valor ainda inferior em comparação com o mesmo mês de 2020.

Topo Logo

Apoio e patrocinio