Página Interna

Jericoacoara é a 3ª unidade de conservação federal mais visitada do Brasil

O Parque Nacional de Jericoacoara registrou quase 1,7 milhão de visitas em 2021. Foto: Divulgação/MTur.

Evidenciando o crescimento do ecoturismo no país, as 145 unidades de conservação federais, administradas pelo ICMBio, contabilizaram 16,7 milhões de visitas em 2021. O número é o maior registrado em pelo menos cinco anos, superando o cenário pré-pandemia.

O Parque Nacional de Jericoacoara, no Ceará, ocupa a terceira posição no ranking das unidades de conservação mais visitadas em 2021, com quase 1,7 milhão de visitas. O local abriga a Pedra Furada, formação rochosa considerada ícone de Jeri – atração imperdível para quem passa pela região.

O parque foi uma das quatro unidades de conservação que contou com estudos financiados pelo Ministério do Turismo para a realização de concessão à iniciativa privada, o que deve levar mais investimentos à unidade e impulsionar o ecoturismo.

Assim como em 2020, a Área de Proteção Ambiental da Baleia Franca, em Santa Catarina, liderou o ranking, com mais de sete milhões de registros. Em segundo lugar está o Parque Nacional da Tijuca, no Rio de Janeiro, com 1,7 milhão de visitas, que abriga uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno: o Cristo Redentor.

Confira a lista das 10 unidades de conservação mais visitadas do Brasil:

1º Área de Proteção Ambiental da Baleia Franca – 7.042.228

2º Parque Nacional da Tijuca – 1.739.666

3º Parque Nacional de Jericoacoara – 1.669.277

4º Parque Nacional da Serra da Bocaina – 718.453

5º Parque Nacional do Iguaçu – 696.380

6º Reserva Extrativista Marinha do Arraial do Cabo – 653.857

7º Área de Proteção Ambiental de Fernando de Noronha – 559.638

8º Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha – 532.988

9º Monumento Natural do Rio São Francisco – 471.705

10º Área de Proteção Ambiental Costa dos Corais – 334.437

Topo Logo

Apoio e patrocinio