Página Interna

Ceará é o estado que mais cresceu em volume de vendas no comércio varejista em abril

A alta cearense foi de 18,5% na comparação com abril de 2021, enquanto a nacional foi de 4,5%. Foto: Banco de Imagens.

Na quarta alta consecutiva, o volume de vendas do comércio varejista no país cresceu 4,5% em abril, na comparação com o mesmo mês do ano passado. Nos primeiros quatro meses de 2022, o setor acumula aumento nacional de 2,3%.

Na comparação com abril de 2021, 23 das 27 unidades da federação tiveram crescimento, com destaque para o Ceará, que cresceu 18,5%, o maior índice do país. O estado vem seguido por Alagoas (15,1%) e Espírito Santo (14,9%). Os dados são da Pesquisa Mensal de Comércio, divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE).

Panorama do país por atividade

Em relação a abril de 2021, o comércio varejista avançou em cinco das oito atividades pesquisadas: tecidos, vestuário e calçados (33,9%); combustíveis e lubrificantes (9,7%); hiper, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo (4,0%); artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos e de perfumaria (3,5%) e outros artigos de uso pessoal e doméstico (1,5%).

No comércio varejista ampliado, que inclui, além do varejo, as atividades de veículos, motos, partes e peças e de material de construção, o volume de vendas apresentou aumento de 0,7% em abril, frente a março.

A Pesquisa Mensal de Comércio produz indicadores que permitem acompanhar o comportamento conjuntural do comércio varejista no país, investigando a receita bruta de revenda nas empresas formalmente constituídas, com 20 ou mais pessoas ocupadas, e cuja atividade principal é o comércio varejista.

Topo Logo

Apoio e patrocinio