Página Interna

Ministério da Saúde autoriza que vacinas armazenadas para 2ª dose sejam aplicadas como 1ª dose

Para ampliar o número de pessoas vacinadas no Brasil, o Ministério da Saúde autorizou que todas as vacinas armazenadas pelos estados e municípios para garantir a 2ª dose sejam utilizadas como 1ª dose.

Além disso, no último sábado, foi anunciada a distribuição aos estados de 5 milhões de novas doses de vacinas contra a Covid-19 e elas seguirão a nova mudança na orientação do Ministério da Saúde.

A orientação anterior era que os estados e municípios deveriam reservar a 2ª dose da CoronaVac para garantir que ela seja aplicada de duas a quatro semanas após a 1ª.

Apoio e patrocinio