Página Interna

Projeto 1000KM Pela Vida se prepara para percorrer o litoral do Ceará em prol da solidariedade

Os 4 atletas se juntam novamente para o desafio de superar limites e arrecadar alimentos.

Está chegando mais uma edição do Projeto 1000 km pela Vida, uma iniciativa de quatro atletas cearenses com o único propósito de ajudar ao próximo.

Em 2022, Igor Chacon, Dicson Falcão, Leandro Gadelha e Maurício Leão assumem o desafio de correr e pedalar em revezamento ao longo do Litoral do Ceará.

Os atletas buscarão completar, em até 48 horas, os mil quilômetros de percurso ida e volta do Porto das Dunas, em Aquiraz, a Bitupitá, na divisa com o Piauí, com o objetivo de arrecadar alimentos e resgatar o sentimento de solidariedade nas pessoas.

O triatleta Igor Chacon, colunista do Conexão 085, dá detalhes de como será o desafio neste ano, que tem início no dia 1º de julho e deve terminar até as 15h do dia 3 de julho.

Em 2022, o projeto espera conseguir passar a mensagem de que a pandemia passou mas a fome continua. “Eu acho que, no auge da pandemia, as pessoas estavam mais solidárias. Agora o mundo está tão louco, e as pessoas estão tão atribuladas, que o lado solidário ficou guardado. E a ideia da gente é tentar resgatar isso”, explica o atleta.

Segundo ele, a essência do projeto continua igual, mesmo com o crescimento alcançado desde a primeira edição. Igor pontua que os pilares sobre o qual ele se sustenta precisam sempre ser mantidos, incluindo o de que nenhum atleta ou voluntário pode receber valores financeiros, e o de que política não deve ser envolvida.

Doações

Na edição Litoral, quatro diferentes instituições filantrópicas irão receber os alimentos e valores doados: a Casa do Amigo Jesus Mãos que Curam, a Operação Resgate Bom Samaritano, o Instituto Nova Criação INC, e o Instituto Metamorfose.

A iniciativa, que está recebendo doações desde fevereiro, já arrecadou 31 toneladas de alimentos em 2022. “Quando a gente fala em toneladas, as pessoas às vezes acham que a doação tem que ser em comida, mas a gente faz uma conversão, você doa o que quiser.”, explica o triatleta.

Igor complementa que as empresas que preferem doar dinheiro, por exemplo, podem destinar a quantia diretamente a uma ou mais das instituições apoiadas. Para as empresas que preferem doar o alimento, esse é recolhido pela equipe do projeto e então dividido igualmente entre as entidades.

A Marelli, uma das patrocinadoras de 2022, decidiu fazer a doação gradativa, na forma de produção de camisetas com uma estampa exclusiva do 1000km Pela Vida. A cada venda desse produto, o dinheiro é automaticamente revertido para as instituições apoiadas.

“Pessoa, empresa, qualquer um pode doar. Inclusive oração é uma ótima doação”, diz Igor. O ponto principal de coleta fica no salão de beleza Casa Linda Flor, na Rua Professor Dias da Rocha, 1101 – Aldeota, Fortaleza. O melhor canal para contato é o Instagram @1000kmpelavida. Mais informações também pelo telefone (85) 99966.8300.

Percurso e apoio

Essa será a 4ª realização do projeto, que foi lançado em 2020 e já teve edições no Sertão e na Sabiaguaba. A edição Litoral terá sua largada e chegada no Empório Ribeiro do Porto, na Av. Litorânea, 1000 – Eusébio.

Os atletas vão revezar as seguintes distâncias: Igor pedala 80km, Dicson corre 10km, Maurício pedala 80km, e Leandro corre 10km. Essa sequência se repete em torno de seis vezes, sem interrupção. “A gente faz um esforço sobre-humano, mas tudo tem um propósito. A ideia é ajudar o máximo de pessoas possível”, explica Chacon.

No meio do percurso, há uma parada especial de toda a comitiva na Praia do Preá, no município de Cruz. Então os dois corredores e o Igor, em mountain bike, fazem o percurso subindo até a Vila de Jericoacoara, somando mais 42 quilômetros.

Normalmente, as redes sociais dos atletas e do Projeto transmitem pedaços do percurso em live, quando há sinal. Os atletas são acompanhados por um ônibus da Via Luxo, dois carros e um caminhão, transportando a equipe de apoio e os suprimentos e equipamentos necessários para o desafio.

“Vão em torno de 30 pessoas conosco. Tem mecânico de bike, fisioterapeuta, pessoas que revezam na direção dos carros, pessoas que ajudam a cuidar da alimentação, pessoas que organizam as paradas, todo mundo tem uma função.

Além do apoio do Conexão 085, Igor ressalta a gratidão a todos os patrocinadores que já estão junto à iniciativa dos 1000km Pela Vida. São eles: Casa Linda Flor, UnoLar, Marelli, Jandaia, La Santé, Litoragua, Jotujé, Via luxo, Empório Ribeiro do Porto, Grupo Mais Sabor, Km Assessoria Esportiva, Santiago Ascenço Assessoria Esportiva, Maurício Leão Assessoria Esportiva, Jimmy Bike, Form Digital, Ceará Motos Honda e Granja Regina.

Topo Logo

Apoio e patrocinio