Página Interna

Guaramiranga investe em turismo de experiência para qualificar atividade

O turismo de experiência tem ganhado a atenção e o interesse dos viajantes, que buscam por novas vivências, conhecer novos lugares de maneira única. A ideia dessa modalidade de turismo é fugir do lugar comum, dos pontos turísticos famosos, dos roteiros prontos de viagem. O turista é instigado a conhecer melhor o cotidiano dos nativos, a cultura, e a culinária própria do lugar.

De olho nessa tendência que está em alta, Guaramiranga, conhecida pelo clima frio, pela vegetação exuberante, pelas cachoeiras e pelo pôr do sol apaixonante, busca agora atrair os turistas pelas experiências de novos lugares nos distritos e saberes dos moradores. Pensando nisso, a Prefeitura do Município, através da Secretaria do Turismo em parceria com o Sebrae Ceará, está realizando um conjunto de ações com a comunidade para se reposicionar no turismo do Estado e até do País.

De acordo com o secretário do Turismo de Guaramiranga, Franzé Leal, o conceito foi definido preservando a identidade da Linha da Serra, uma rota turística ainda pouco explorada no Município, e valorizando os saberes dos moradores. “O momento é fértil para um novo rumo, para definir perfis de turistas, para resgatar um turismo de raiz. E nesta perspectiva, Guaramiranga está trabalhando o reposicionamento de seu turismo. Trabalhar a cidade para um turismo com forte apelo para experiências autêntica, que só se encontra aqui”, afirma.

Franzé Leal pontua que esse planejamento tem como frente de trabalho três pilares: turismo, desenvolvimento e trabalho, com foco no empreendedorismo. “O turista pode observar a imensidão de áreas de caatinga e um esplendoroso pôr do sol, tomar um café com tapioca feito de modo bem tradicional e ainda visitar os artesãos da comunidade, que vão ser valorizados e vão se sentir valorizados”, frisa.

Qualificação do turismo

Para envolver toda a comunidade, a Prefeitura de Guaramiranga vem realizando uma série de atividades visando o fortalecimento e qualificação do turismo. As atividades são divididas em eixos que vão resultar na realização de um roteiro atrativo para o turista e que empodere os moradores locais.

“Está em fase de implantação uma nova disciplina – Turismo e Meio Ambiente – no currículo escolar de determinadas turmas das escolas de tempo integral, com o objetivo de conscientizar desde as crianças o sentido de pertencimento e apropriação, mostrando o que a cidade ganha, qual o papel dos moradores, qual o papel da Prefeitura, dos empresários, enfim, como todos podem se envolver”, detalha o secretário.

Inicialmente oficinas com o tema Turismo estão sendo programadas para os professores e alunos da rede municipal. Já os empresários e a comunidade, por sua vez, recebem a qualificação por meio de palestras, oficinas e consultorias, abordando cenários econômicos, demanda do mercado, empreendedorismo, tendências de turismo, manuseio de alimentos, atendimento ao público, entre outros temas pertinentes ao turismo.

Topo Logo

Apoio e patrocinio