Página Interna

Fortaleza é cotada para receber rotas marítimas vindas da Europa

Com a temporada de cruzeiros autorizada, Fortaleza é uma das cidades cotadas para as rotas marítimas e tem previsão de receber pelo menos três navios vindos da Europa. A informação é da Companhia Docas do Ceará, administradora do Porto de Fortaleza. A América do Sul, e especialmente o Brasil, são mercados chave para as armadoras (empresas de cabotagem), que comemoram o retorno das viagens e a liberação no país.

Até agora estão cotadas duas empresas que irão trazer seus navios para a costa brasileira: a MSC Cruzeiros, com três embarcações (Seaside, Preziosa e Splendida), e a Costa Cruzeiros, com duas (Smeralda e Fascinosa). A Associação Internacional das Linhas de Cruzeiros no Brasil (Clia Brasil), por meio de nota, ressalta que a temporada 2021/2022 deve gerar um impacto de R$ 2,5 bilhões na economia nacional, além de gerar cerca de 35 mil empregos.

Com roteiros entre três e nove noites, além da substituição das travessias oceânicas (quando os navios viajam da Europa para o Brasil e vice-versa) por destinos nacionais, os locais de embarque e/ou visitação estão espalhados pelo nosso litoral: Rio de Janeiro (RJ), Santos (SP), Salvador (BA), Angra dos Reis (RJ), Balneário Camboriú (SC), Búzios (RJ), Cabo Frio (RJ), Fortaleza (CE), Ilha Grande (RJ), Ilhabela (SP), Ilhéus (BA), Itajaí (SC), Maceió (AL), Porto Belo (SC), Recife (PE) e Ubatuba (SP).

Topo Logo

Apoio e patrocinio