Página Interna

Trabalhadores do setor turístico pedem auxílio ao Estado do Ceará

Uma das principais entidades da indústria do turismo, a Agência Brasileira das Agências de Viagens (Abav), esteve reunida com representantes do Executivo Estadual para tratarem das dificuldades enfrentadas pelo setor de turismo durante a pandemia. Entre as pautas conversadas estão auxílio para os trabalhadores dispensados e que não possui acesso a nenhum outro benefício, pedidos de isenção do Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) para veículos das empresas do setor, pedidos de isenção do Imposto Sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) da conta de energia e isenção da conta de água. 

Os pedidos pleiteados referem-se a algumas medidas que já foram concedidas pelo Governo Estadual aos restaurantes, bares, trabalhadores da cultura e de eventos. Mesmo sem nada definido, a expectativa da Abav é que em até 15 dias o Governo Estadual tenha uma posição definida.

Atualmente, cerca de dois mil trabalhadores do turismo perderam o emprego ou foram afetados de alguma forma em decorrência da pandemia. Com a intensificação das medidas para o combate ao coronavírus, o setor de turismo volta a se sentir ameaçado economicamente.

Apoio e patrocinio