Página Interna

Projeto Fortaleza em Música lança aplicativo com produções musicais sobre a cidade

Muitas versões da nossa Capital e de seus contrastes já ganharam forma nas artes, como na música popular. Com base nisso, o projeto Fortaleza em Música, da Universidade Federal do Ceará (UFC), tem se dedicado a cartografar as composições musicais que retratam a capital cearense, seus bairros e diversos espaços, como ruas, praças e praias.

O projeto é conduzido pelo Grupo de Imagem, Consumo e Experiência Urbana, vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Comunicação do Instituto de Cultura e Arte (ICA). Já foram catalogadas 200 músicas, de 92 artistas, em um trabalho que incluiu ainda a realização de 38 entrevistas com compositores e compositoras.

Os primeiros frutos da pesquisa serão apresentados ao público em 1º de dezembro, com o lançamento do aplicativo Fortaleza em Música e de um álbum de figurinhas inspirado nas composições. A apresentação do aplicativo será em uma sessão virtual, às 16h, como parte da programação artística da VII Mostra ICA e do VIII Encontro de Cultura Artística, que integram os Encontros Universitários 2021 da UFC.

Como o app funciona

O Fortaleza em Música localiza no mapa as composições que falam sobre a cidade, reunindo informações sobre as músicas, os artistas e os espaços retratados. O aplicativo estará disponível aos usuários de Android, com acesso gratuito, em versão-teste. “A ideia é que as pessoas possam passear por Fortaleza e descobrir a cidade através das músicas”, destaca a Profª Sílvia Belmino, coordenadora do projeto.

Reprodução de uma das telas do aplicativo Fortaleza em Música, disponível para Android. Foto: Ascom UFC

Com a ferramenta, o usuário pode localizar as canções no mapa, fazer buscas por bairro ou por artistas e até receber alertas quando passar por um local retratado em música. A versão-teste reúne cerca de 80 canções de diversos artistas. Para 2022, o aplicativo terá todas as músicas cartografadas até o momento, em um trabalho contínuo que incluirá o registro permanente de canções, aberto a sugestões e comentários dos usuários.

Além de apresentar esse repertório musical, o aplicativo funciona como um banco de dados aberto e gratuito, que pode colaborar com a pesquisa sobre as representações da cidade. O trabalho inclui ainda a busca de informações sobre as músicas e seus criadores, e o registro fotográfico dos espaços.

Apoio e patrocinio