Página Interna

O futuro da moda no mundo pós pandemia

A pandemia trouxe a aceleração de processos de forma muito intensa. Sinalizações que os estudos e o mercado já apontavam como fundamentais como a humanização da marca, digitalização, vendas online, sustentabilidade, responsabilidade social, porém eram assuntos que muitas marcas insistiam em ignorar e agora estão convivendo com isso diariamente sem poder deixar para depois. As marcas estão sendo responsabilizadas e cobradas por isso, tanto que quem não se adaptou rapidamente sentiu impactos enormes, visualizaram suas vendas caindo e perderam clientes. Vale lembrar que esse comportamento será ainda mais escalado, então é fato que as empresas precisam se adaptar muito rápido e para já. 

Nesse sentido de novas adaptações, um conceito que tem ganhado força é a regionalização. As pessoas estão consumindo marcas próximas, que fazem um trabalho bem feito, que ajudam, que tem responsabilidade em construir uma sociedade melhor onde elas estão inseridas. Não digo apenas no sentido de posicionamento, mas principalmente de qualidade. O cliente busca por peças que não sejam descartáveis, querem conforto e segurança na hora de consumir. O cliente quer se sentir respeitado pela marca e as marcas regionais fazem esse trabalho muito bem. 

O que podemos dizer sobre tendências é que 2021 começa cheio de vida para alegrar o dia a dia das pessoas após um 2020 tão conturbado. Cores vivas, estampas coloridas, neon e alto astral! As modelagens confortáveis, tanto fluidas quanto moletinhos ganham a cara outwear em um momento tão decisivo. Que 2021 chegue trazendo o que há de melhor para moda depois de um período tão difícil.

Rayssa Thomaz
Especialista em Marketing de Moda
Diretora da Yssa Agência e Yssa Marketing

Apoio e patrocinio