Página Interna

Indústria de chocolate planeja gerar 12 mil empregos temporários para Páscoa

Otimista com a chegada da vacina contra o vírus da Covid-19, a indústria de chocolate planeja gerar cerca de 12 mil empregos temporários para atender à demanda do período da Páscoa de 2021.

De acordo com dados da Associação Brasileira da Indústria de Chocolates, Amendoim e Balas (ABICAB), os profissionais contratados atuarão nas linhas de produção ou nos pontos de venda. O número representa aumento de 4,8% em relação às contratações do ano passado.

As contratações para suprir a demanda começaram em agosto do ano passado isso, porque as empresas precisam fazer planejamento e elaborar estratégias para as vendas. Por conta da pandemia, as empresas devem continuar a desenvolver a diversificação dos canais de venda, como o e-commerce.

 

Apoio e patrocinio