Página Interna

Conheça a Colina do Horto: a fé que movimenta o turismo no Cariri

Se você pretende visitar Juazeiro do Norte, no Cariri, não pode deixar de conhecer a Colina do Horto. É o lugar mais alto de Juazeiro do Norte, onde atualmente fica o Museu Vivo do Padre Cícero, antigo Casarão, a estátua inaugurada em 1969 em homenagem ao religioso, a igreja do Bom Jesus do Horto e a trilha do Santo Sepulcro, com 3 km de extensão.

O local, que também é um dos geossítios do Geopark Araripe, atrai anualmente mais de dois milhões de visitantes, entre romeiros, pagadores de promessas e turistas de diversas regiões do País, uma vez que é um dos principais pontos do circuito religioso, que é demarcado pela representação das 14 estações da Via Sacra.

Segundo Rafael Celestino, geógrafo e colaborador do Geopark Araripe, a Colina do Horto se difere dos outros geossítios, abrigando rochas com 600 milhões de anos. “O Horto não se liga às rochas que formam a Chapada do Araripe. É uma outra dinâmica que reflete as rochas mais antigas do mundo, oriundas do trabalho do vulcanismo, que podem ser rochas vulcânicas e plutônicas. No caso do Horto são plutônicas que se esfriaram em subsuperfície, são granitos, dioritos e granodioritos”, explica.

Impulsionar o turismo religioso

A força da religiosidade transformou Juazeiro do Norte em uma das cidades mais importantes do Cariri, que soma mais de um milhão de habitantes. Para potencializar a vocação turística e a pluralidade cultural da região, o Governo do Ceará, por meio da Secretaria do Turismo do Ceará (Setur), está implantando um teleférico que vai ligar diretamente a cidade à Colina do Horto. A obra, que é desenvolvida pela Superintendência de Obras Públicas (SOP), está com cerca de 90% de execução, com mais de R$ 75 milhões em investimento.

O equipamento contará com 26 cabines climatizadas com capacidade para transportar até oito passageiros sentados. O percurso de 2 km com elevação de 200 metros será realizado entre a Estação Romeiros (inferior) e Estação do Horto (superior), onde está a estátua do padre Cícero. Cada trajeto será realizado em 7 minutos e 30 segundos. O entorno das duas estações receberá intervenções urbanas.

Apoio e patrocinio