Página Interna

Como começar a investir?

Investimentos: a imagem mostra uma mão segurando um celular. Na tela, há gráficos e a palavra "Amazon".

Em tempos difíceis, ter uma reserva financeira concede segurança e estabilidade para as famílias, especialmente no caso de emergências. Com a pandemia, muitos setores da economia enfrentam dificuldades – mas outros têm se tornado um meio para garantir essa reserva, através de investimentos estratégicos que podem ser iniciados com mensalidades de baixo custo.

Segundo o empresário e investidor Gabriel Joca, o ano de 2021 será de muitas oportunidades para quem quer começar a investir, especialmente nos setores de tecnologia, agronegócio e varejo. “Nesse ano, o investidor tem que prestar atenção no mercado global e entender o que ocorre no mundo”, lembra Gabriel.

Para Joca, também vale a pena ficar de olho no mercado de debêntures, um tipo de título de crédito em que você investe seu dinheiro em empresas de capital aberto ou fechado por um rendimento acima do normal de mercado. No entanto, a principal recomendação para o novo investidor é a diversificação, já que, especialmente em momentos de crise, concentrar todo o dinheiro em um só mercado pode trazer prejuízos.

“O ideal é diversificar sempre: investir em ações debêntures, no tesouro direto e, no final, fazer uma média dos seus investimentos, pois um deles sempre vai render mais que o outro. Também é importante manter uma parte do seu dinheiro em liquidez, para não precisar recorrer a empréstimos em casos de emergência”, completa Gabriel.

Apoio e patrocinio