Página Interna

BNB libera R$ 168 milhões para reforma do aeroporto de Juazeiro do Norte

Três aeroportos do Nordeste, incluindo o de Juazeiro do Norte, deverão receber R$ 790,9 milhões via Banco do Nordeste (BNB) para obras de reforma e modernização. Os contratos de financiamento foram assinados nesta terça-feira (01) pelo ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, e pelo presidente do BNB, José Gomes da Costa.

O aeroporto de Juazeiro, que atende cerca de 27 mil passageiros por mês, receberá R$ 168,2 milhões. Além dele, os aeroportos de Recife (PE) e Campina Grande (PB) também receberão os recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste do BNB, pela linha FNE Proinfra.

O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, destacou a relevância do modal aéreo em um país continental como o nosso. “Sem avião, sem aeroporto, a gente não consegue dar vazão à vocação turística que o Brasil tem. Agora, precisamos também trabalhar para que o valor das passagens diminua”, disse.

Além dos equipamentos a serem financiados pelo Banco do Nordeste, outros três aeroportos (João Pessoa-PB, Aracaju-SE e Maceió-AL) também tiveram contratos assinados nesta terça-feira no valor de R$ 1,2 bilhão. Desse total, R$ 809,2 milhões são do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e R$ 400 milhões da empresa responsável pela administração dos aeroportos, a Aena Brasil.

Os seis aeroportos movimentam, aproximadamente, 14 milhões de passageiros por ano e foram cedidos à Aena Brasil por 30 anos, a partir de 2020, com o compromisso de realizar investimentos na adequação da infraestrutura e recomposição do nível de serviço estabelecido no leilão da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).

Topo Logo

Apoio e patrocinio